Mulher na capoeira: força ou malandragem?

 Guerreiras que são as musas da capoeira

Cada vez mais as mulheres provam o seu valor dentro deste universo grandioso que é a capoeira, seja como mestras, professoras, instrutoras ou alunas.

Pelo mundo fora, desenvolvem trabalhos magníficos, com força, coragem e talento, com a sua arte e manha no toque do berimbau, no canto e na composição de músicas.

A adaptação das mulheres à capoeira prova que, mais do que força, esta arte envolve inteligência, jogo de cintura e técnica. Capoeira Regional, Angola, jogo de São Bento ou Iuna: qualquer que seja o toque e a levada do berimbau, a mulher mostra mandinga e encanta com a sua beleza.

Como diz a canção, “Ai, ai, ai, ai! São Bento me chama. Ai, ai, ai, ai! São Bento me quer. Capoeira é para homem, menino e mulher”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *